×

Como deixar a casa mais confortável

Passando cada vez mais tempo em casa, surge a necessidade de um ambiente mais agradável

Publicado em 30/09/2020 | Por_Cleide de Paula

O isolamento social permitiu passar mais tempo desfrutando do lar e com isso surgiu a necessidade de deixar a casa mais confortável. O home office e a permanência dos moradores nas residências fez com que surgissem novas necessidades que podem ser atendidas com pequenas mudanças que deixam o ambiente mais agradável.

Aprenda a fazer um projeto de decoração on-line

A arquiteta Ana Johns, do escritório Ana Johns Arquitetura, orienta como deixar sua casa mais aconchegante. Segundo ela, antes de tudo, em vez de apostar em fórmulas mágicas, é preciso entender qual o perfil do morador e quais elementos podem ser agradáveis para ele.

“Por mais bonito que um ambiente seja, para ser realmente um espaço confortável, ele deve ter elementos que fazem sentido para os moradores da casa. Uma casa de revista é bonita para ser vista como referência, mas um lar se faz com muito mais do somente móveis bonitos”, reforça Ana.

As texturas do ambiente são fundamentais para garantir o conforto
As texturas do ambiente são fundamentais para garantir o conforto / Foto: Francis Larsen

Iluminação da casa mais confortável

Uma das primeiras dicas está relacionada à iluminação. “Mudanças simples, como a temperatura da lâmpada, podem deixar um ambiente mais agradável. A luz branca nos deixa mais cansados e nem percebemos o porquê, então só nesta pequena alteração já é possível perceber uma grande diferença”, conta Ana.

A mudança das lâmpadas, a troca de uma luminária ou o uso de abajures, já podem mudar a percepção de um cômodo e deixá-lo mais aconchegante.

A iluminação correta é essencial para um ambiente aconchegante

Objetos de decoração

A decoração é essencial para que o projeto funcione bem. Itens como tapetes, almofadas e mantas podem deixar o cômodo mais gostoso. Ana diz ainda que objetos mais sentimentais, como fotografias ou lembranças de viagens, garantem um ambiente mais personalizado e convidativo, fazendo com que o morador queira passar mais tempo ali.

O uso da madeira pode ser o grande diferencial do ambiente

Madeira transforma o ambiente

Alguns detalhes, como as texturas encontradas no papel de parede, por exemplo, ou o uso de materiais específicos na decoração podem fazer a diferença.

“A madeira é uma ótima aliada para trazer aconchego, seja no piso, nos móveis ou nos detalhes, ela sempre dá um toque especial”, acrescenta a arquiteta.

As cores também influenciam muito nos cômodos da casa.

Cores da casa mais confortável

As cores também influenciam muito nos cômodos da casa. Nos quartos é importante pensar nesse sentido. “Cores mais fortes podem pesar no ambiente e atrapalhar em termos de conforto e tranquilidade para o morador”, alerta Ana.

Em espaços compartilhados, como a sala, cores mais quentes ajudam a criar esse ar mais aconchegante. Dessa maneira, mudar as cores das paredes pode repaginar um ambiente todo.

Posição certa da TV

Outra dica está relacionada à televisão. “Quando temos um ambiente com uma TV, o mais importante na hora de posicioná-la é entender quais são os hábitos de quem vai assistir, para que fique numa posição confortável”, conta Ana.

Os móveis como sofá e racks, devem ser organizados levando em conta o tamanho da televisão e a distância indicada entre ela e o telespectador, assim o conforto será garantido. Deixar sua televisão mais alta (ou mais baixa) pode melhorar seus momentos de descontração.

Praticidade e funcionalidade

Agora, em relação aos ambientes mais funcionais, como as cozinhas e banheiros, o conceito para deixar a casa mais confortável está diretamente ligado ao de praticidade. “A iluminação nestes cômodos precisa ser mais forte, e o ideal é ter itens de decoração funcionais, como nichos e prateleiras, que deixem tudo com fácil acesso”, diz a arquiteta. Dessa forma é possível ter um ambiente organizado e prático.

Por fim, Ana comenta que reformas são bem-vindas, principalmente quando é possível proporcionar mais praticidade. “Em muitos casos, ter um ambiente grande e bem planejado é melhor do que dois ambientes pequenos, em que a distribuição interna é mais limitada”, finaliza a arquiteta.

Vale lembrar que durante o período de quarentena a Ana está realizando projetos online, basta acessar o site e entrar em contato www.anajohnsarquitetura.com.br. Agora projetos arquitetônicos, projetos de decoração e consultorias podem ser feitos sem sair de casa.

Avalie esse post:
[Total: 2   Average: 5/5]

Siga nossa página no instagram e fique por dentro das novidades

@moveisparacasa.oficial
Móveis por ambiente

Cadastre-se para receber tudo sobre móveis

    Você também pode se interessar por:

    Design: móveis irreverentes do Estúdio Mula Preta

    11 boas ideias de móveis para aproveitar ao máximo o melhor de cada ambiente

    Como deixar a casa mais confortável