×

Cadeiras e mesa de jantar: formas de combinar

Cadeiras em diferentes cores, desenhos, estilos e materiais potencializam e valorizam a mesa de jantar

Publicado em 14/02/2020 | Por_Cleide de Paula

Diferentes cadeiras e mesa de jantar combinadas da forma correta quebram a monotonia e permitem criar um estilo de decoração de interiores bastante único. Com tantas opções incríveis, é possível usar diferentes peças em uma mesa composição. A mescla de cadeiras em diferentes cores, desenhos, estilos e materiais torna os espaços dinâmicos e despojados.

Há três maneiras principais de fazer isso:

Salvo algumas regras que precisam ser observadas para que a ideia funcione, praticamente não há escolhas erradas. Tudo se resume a uma expressão de estilo.

Em muitos conjuntos de jantar tradicionais, as cadeiras posicionadas em cada extremidade da mesa são diferenciadas podendo conter braços, ser maiores ou mais mais ornamentadas para refletir a importância do lugar à mesa. Uma boa sugestão nesse caso é valer-se de poltronas em lugar de cadeiras.

Ideias de como equilibrar cores e formas de mesas e cadeiras

Dimensão das cadeiras e mesas de jantar

No momento de optar por cadeiras para a mesa de jantar é importante atentar-se para que haja um bom espaço de circulação. O indicado é pelo menos 60 cm de espaço para cada peça. O conjunto deve ser proporcional às dimensões do ambiente de forma que a sala atenda aos requisitos de ergonomia. As cadeiras não podem ser grandes nem pequenas demais. 

Pé da mesa

A arquiteta Ieda Korman, uma das sócias da Korman Arquitetos, explica que se os pés da mesa de jantar tiverem um desenho limpo, cadeiras antigas em estilo ou modernas não brigarão com o conjunto. 

“Agora se a mesa for de madeira com um estilo mais demarcado, eu não recomendo cadeiras mais modernas – a não ser que tenham pintura laqueada. Já as cadeiras laqueadas com a mesa moderna fazem um conjunto divertido”, exemplifica.

Cadeiras iguais em cores diferentes que combinam bem com mesa de jantar
O duo cor lisa combinada a uma estampa é uma boa aposta

Cores das cadeiras e mesas de jantar

Uma boa maneira de misturar cadeiras de cores diferentes é optar por peças iguais em diferentes tons, especialmente para cadeiras com um design clássico. Se as cadeiras forem de diferentes estilos é preciso manter a consistência a partir de uma única cor. 

Cadeiras iguais e cores diferentes

Ambientar a sala com cadeiras da mesma família mas em cores diferentes e complementares. Funciona bem se as cadeiras forem em estilo contemporâneo e forem de madeira pintada, aço revestido a pó ou tiverem um assento de plástico ou tecido.

Cadeiras estofadas de diferentes cores
Cadeiras estofadas de diferentes cores

Mesma cor, cadeiras diferentes

Se a proposta é criar uma atmosfera mais relaxada, pode-se formar um conjunto de cadeiras diferentes na mesma cor. Uma opção nesse caso, caso opte por cadeiras de madeira, é garimpar as peças de interesse e pintá-las com a cor escolhida.

Composições com cadeiras destacadas nas pontas da mesa de jantar

Cadeiras diferenciadas nas extremidades

Outra maneira de integrar cadeiras diferentes é enfatizar os assentos nas extremidades opostas da mesa, posições nas quais os anfitriões costumam sentar, destacando essas cadeiras das demais.

exemplo de cadeira e mesa de jantar
Thonet Bentwood Cane Dining Chair é uma cadeira clássica que esteve em alta entre 1950 e 1960

Combinar retrô e contemporâneo

Cadeiras em diferentes estilos postas ao redor da mesa deixam a sala de jantar bem personalista. Funciona bem quando as formas se constatarem. Nesse caso, unem-se cadeiras curvadas mais antiga às modernas que são um pouco mais rígidas e contam com linhas retas. Um exemplo é uma cadeira de madeira com encosto tradicional.

exemplo de cadeira e mesa de jantar
Neste exemplo, além do banco, foram inclusos na composição, duas banquetas

Troque as cadeiras por um banco

Substituir cadeiras por bancos ou banquetas é uma opção que torna o ambiente elegante e informal e ainda gera flexibilidade com menos espaço. Para unificar o conjunto ou torná-lo mais confortável acrescente almofadas ou uma manta de mesmo tecido.

exemplo de cadeira e mesa de jantar
O banco gera contraste e surpresa ao ambiente

Explore o poder dos materiais

Às vezes, a melhor maneira de reunir vários estilos e formas não é pelo contraste ou pelo uso das mesmas cores, mas por uma sensibilidade estrutural unificada. Por exemplo, concreto polido, madeira áspera e aço enegrecido podem parecer que não funcionariam juntos, mas seus tons sutis e acabamentos foscos atuam como um complemento um do outro.

Charles Eames Parchment Arm Shell Chair,
Charles Eames Parchment Arm Shell Chair, um dos modelos mais conhecidos e apreciados na história do design mobiliário

Combinações de cadeiras aprovadas

Unir dois clássicos do design consagrados que são leves e discretos como a cadeira Eames Shell e a Bentwood é uma aposta de sucesso. Esse par também contém elemento de contraste: os tons de madeira das cadeiras de madeira curvada são um bom equilíbrio para o branco suave das cadeiras de concha. 

Linhas retas e contemporâneas garantam uma boa composição. Por sua vez, duas poltronas de jantar vintage posicionadas à cabeceira da mesa acompanhadas de cadeiras novas e mais sutis faz uma boa composição.

Evite em cadeiras e mesas de jantar

O excesso da mistura de peças altas e baixas, velhas e novas pode prejudicar o restante dos elementos de design em um espaço.

Avalie esse post:
[Total: 1    Média: 5/5]

Siga nossa página no instagram e fique por dentro das novidades

@moveisparacasa.oficial
Móveis por ambiente

Cadastre-se para receber tudo sobre móveis

Você também pode se interessar por:

Afinal de contas, como escolher os móveis para a praia?

Ambientes Integrados: que tal essa ideia?

Materiais ecológicos e inusitados na criação de móveis